domingo, 8 de janeiro de 2012

Um lindo Picasso preto!


     A mulher era uma loira turbinada, apresentadora de um programa de tevê de um desses canais comunitários que ninguém assiste. Ela recebeu uma verba do produtor do tal programa (seu marido) para comprar um carro, que serviria para as reportagens. E lá foi a loira para a região dos picaretas de automóveis.
     Ela entrou em uma loja de carros usados que fica ao lado de um motel. Depois de fechar negócio, a loira saiu da revenda exultante. Depois de caminhar um tanto pela calçada, resolveu pegar um táxi. Quando fez sinal, estava bem em frente ao motel, por isso a confusão. Tão logo embarcou no táxi, ela iniciou uma ligação para contar ao marido que tinha comprado o carro. A conversa ao telefone, da loira que pegou o táxi em frente ao motel, foi mais ou menos essa:
     - Oi, amor, nem sabe, fiquei com o Picasso preto! Aquele que estava namorando na internet... Ao vivo ele é muito mais lindo, cheiroso,  enorme, muito potente! Tu sabe como é que eu sou, né?, tu sabe que eu me apaixono mesmo... Deu vontade de não sair mais de dentro dele, amor!
     Quando o taxista perguntou se ela fazia programa, a mulher ficou admirada. Finalmente havia encontrado alguém que conhecia seu programa, naquele miserável canal de tevê que ninguém assiste. 
     Comigo aconteceu algo semelhante. Uma mulher com uma roupa justa e o rosto carregado de botox embarcou no meu táxi falando ao celular. Ela afastou por um segundo o aparelho da boca para dar o destino da corrida, que eu entendi como sendo "Motel Sharewood" - um bom motel da zona leste da capital.
     A conversa que ela continuou ao telefone, porém, acabou mudando a primeira impressão que tive da minha passageira. Ficou claro que ela não era nenhum tipo de prostituta, nem estava indo para nenhum motel. Eu tinha entendido mal. Ela era uma empresária e estava indo para o melhor hotel da cidade: Hotel Sheraton! Por sorte, desviei para o destino certo antes que ela  percebesse o mal-entendido.
     Nossa mente suja é o problema.

8 comentários:

Dona Sra. Urtigão disse...

Suas historias são ótimas !

Eduardo P.L disse...

Tem gente que vê sexo em tudo....
AQUI tem mais:

http://sexoevidente.blogspot.com/

srsrsr

LÍDIA, disse...

hahahahahahahha...aconte Mauro!
O problema é começar a aconecer sempre né?

hahahaha

Há braços!
Adoooro esse espaço...e não é de hoje!
(:

Thai Nascimento disse...

Ahah, mentes sujas são mesmo um problema. Mas uma vez descoberto e desfeito o mal-entendido sobram ótimas histórias como essa.

:)

Leonardo Xavier disse...

Se você não percebe o engano a tempo a situação seria deveras constrangedora! kkkk!

Clarice disse...

Imagine se você e seu colega tivessem que testemunhar com base no que ouviram.
Não consigo tirar da cabeça esse negócio de revenda de carro ao lado de motel. Mente suja essa minha.
Abraço de chuva a toda hora.

vidacuriosa disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Letras Saltitando disse...

PUTZ.... e como a gente tem mente suja.... kkkkkkkkk