quarta-feira, 14 de julho de 2010

Massa de ar polar


Louvado seja o inventor do ar quente para automóvel. Porto Alegre 4 graus.

12 comentários:

Clarice disse...

Saudade nenhuma desse frio, meu senhor! Geada nunca mais!Frio de lascar só se ganhar na loteria e passar uns meses na Suíça. :)
Aqui em casa ataco de aquecedor a óleo. A conta sobe, mas a temperatura é garantida.

Fiquei imaginando como deve custar a expulsar os clientes do teu carro, hehehe!
html,target e head tudo misturado deu liga e já funciona.

Abração.

J.Brito - Taxista disse...

IXI... Ar quente?! Aff... O bom é que nesta ocasião está higienizando o sistema sem precisar sair do carro... Para nós aqui de Recife seria uma tortura utilizar o ar quente e ficar dentro do carro... Abraços do companheiro de profissão aqui do Nordeste!

J.Brito - Taxista disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
João Gilberto disse...

Morando no Nordeste eu nunca ousei mudar do ar frio para o quente!

Aproveite o calor ai!

Até mais.

Eliana disse...

Tudo nessa vida é relativo!

Rio de janeiro, 17 graus... MORRO de frio!!! Não aguento!

Meu marido, gaúcho, tira onda e dorme sem se cobrir, alegando calor, ai ai ai...

Se fosse eu aí, nesses 4 graus, já não estaria resistindo há muito tempo!

ODEIO frio!

Felicidade pra você com seu ar quente!

rsss

Abraços!

Anna Flávia disse...

Para sempre seja! :)

Tiago Medina disse...

AMÉM

Ricardo Mainieri disse...

Mas, bah, seu Mauro Castro o senhor não aprecia aquele "minuano" cantando pela janela aberta?
Aque bafo gelado que deixa os "cuscos" meio rengos...(rs)
O senhor não nasceu nesta terra maravilhosa de frio polar no inverno e calor equatorial no verão...(rs)
Desconfio que esse taxista desaparece do ponto, logo depois do entardecer.

Abraço.

Ricardo Mainieri

**** disse...

Ahahahah. Quatro graus!!! Estaria feliz aí, com oito graus aqui já tô comemorando.
Abraços!

**** disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Dirceu disse...

Eu particularmente detesto este frio.
Nada melhor que o verão... sair para tomar um chima no parque... uma cervejinha num barsinho ao ar livre...
Mas convenhamos que nossa economia necessita dele.

Hidaiana Rosa disse...

Esses dias fez muito frio em São Paulo. Lembrei de vocês aí do Sul. Frio, nem pensar!

:*

www.empautahr.blogspot.com